Páginas

sábado, 25 de outubro de 2014

FRANCIS BACON







Uma seleção de frases do site O Pensador. Importante ressaltar a sutileza das palavras, e sua eficácia e verdade.

"A verdade é filha do tempo, não da autoridade."

"Todas as cores concordam no escuro."

"A esperança é um bom almoço mas um mau jantar."

"As casas são construídas para que se viva nelas, não para serem olhadas."

"A sabedoria dos crocodilos consiste em verter lágrimas quando querem devorar."

"Todo o acesso a uma alta função se serve de uma escada tortuosa..."


"Todo o homem se descobre sete anos mais velho na manhã seguinte ao casamento."

"Um homem acredita mais facilmente no que gostaria que fosse verdade. Assim, ele rejeita coisas difíceis pela impaciência de pesquisar; coisas sensatas, porque diminuem a esperança; as coisas mais profundas da natureza, por superstição; a luz da experiência, por arrogância e orgulho; coisas que não são comumente aceitas, por deferência à opinião do vulgo. Em suma, inúmeras são as maneiras, e às vezes imperceptíveis, pelas quais os afetos colorem e contaminam o entendimento."



Francis Bacon (1561-1626) foi um filósofo, político e ensaísta inglês. Recebeu os títulos de Visconde de Alban e Barão de Verulam. Foi importante na formulação de teorias que fundamentaram a ciência moderna. É considerado o pai do método experimental.

Francis Bacon (1561-1626) nasceu em Londres, Inglaterra, no dia 22 de janeiro de 1561. Filho caçula de Sir Nicholas Bacon, Guardião do Selo Real, e de sua segunda esposa Ann. Em 1576 formou-se em Direito, pela Universidade de Cambridge. Nessa época já tinha fama e prestígio. Como diplomata, esteve na França como acompanhante do embaixador inglês, e só em 1579, com o falecimento do pai, regressou para Londres a fim de retomar a carreira jurídica e política.

Em 1584, Bacon toma assento na Câmara dos Comuns, como representante de um pequeno distrito. Nessa época escreve a "Carta de Conselhos" à rainha Elizabeth, que advoga várias medidas de tolerância religiosa e de supremacia estatal em relação à Igreja. Usou a influência do tesoureiro real, seu tio materno, até tornar-se seu conselheiro particular. Mas não conseguiu, sob seu reinado, ser nomeado procurador geral, como ambicionava.

Sob o reinado de Jaime I, foi nomeado cavalheiro, nomeado no posto de conselheiro, destacado como representante real dos debates parlamentares e agraciado, em 1607, com o cargo de solicitador real. Nesse período casou-se com Alice Barnham, filha de um conselheiro municipal londrino. Em 1605, dedicou ao rei, seu trabalho "O Avanço do Conhecimento". Escreveu sobre questões do estado e de relações entre a coroa e o parlamento. Foi nomeado procurador geral.

Com o patrocínio de George Villiers, futuro sucessor do trono e duque de Buckingham, torna-se Lorde Conselheiro (1616), Lorde Guardião (1617) e Lorde Chanceler (1618). Nesse cargo, em 1621, foi acusado de corrução.

Francis Bacon escreveu tratados filosóficos, obras literárias e jurídicas. Em 1620 publicou "Novum Organum", em que expõe sua filosofia da ciência, onde salienta a primazia dos fatos em relação à teorização e rejeita a especulação filosófica como cientificamente válida. Em 1624 publica "Nova Atlântida", onde descreve uma utopia, onde as possibilidades de experimentação científica seriam ilimitadas. Em 1622 publicou "História de Henrique VII" e em 1625, a terceira edição de seus "Ensaios", aumentados para 58, onde revela um pensamento elevado e um estilo
tão rico que foi citado ao lado de William Shakespeare como o consolidador da língua inglesa.

Bacon influenciou a psicologia ao argumentar que todas as ideias são o produto da sensação e da reflexão. Contestou a afirmação medieval de que a verdade poderia ser elucidada através de pouca observação e muito raciocínio. Seu método era a observação dos fatos através do raciocínio indutivo. A obra de Bacon influiu também na fundação, 1622, de uma "sociedade secreta" que se reunia para a experimentação científica.

Francis Bacon morreu de complicações respiratórias, em Londres, Inglaterra, no dia 9 de abril de 1626.



segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Palavras de Frida Kahlo




De sua biografia, palavras de Frida


"Nada vale mais do que uma risada. É sinal de força gargalhar e se abandonar, ser leve. A tragédia é a coisa mais ridícula."


Pensavam que eu era surrealista. Mas não sou. Eu nunca pintei sonhos. Eu pintei a minha própria realidade."

"Ninguém é mais do que uma função ou parte da função total. Nós nos direcionamos para nossos próprios eus por meio de milhões  de seres - seres pedras - seres pássaros - seres estrelas - seres micróbios - seres fontes até nós mesmos. A variedade da incapacidade do um de se separar do dois, do três, do et cétera de sempre - para retornar ao um. Mas não à essência (Às vezes chamada de deus, às vezes chamada de liberdade, às vezes de amor) - Não - Nós sempre fomos ódio-amor-mãe-criança-planta-terra-luz-relâmpago-etc.-mundo que dá mundos-universos e células universais. 





segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Onde Está o Amor? - Black Eyed Peas - letra e tradução





Where Is The Love? / Onde Está o Amor?
Black Eyed Peas


What's wrong with the world, mama?
O que está errado com o mundo, mamãe?
People living like they ain't got no mamas
Pessoas vivendo como se eles não tivessem mães
I think the whole world addicted to the drama
Acho que o mundo todo viciou-se no drama
Only attracted to things that'll bring you trauma
Apenas atraídos por coisas que lhes trarão traumas

Overseas, yeah, we try to stop terrorism
Em outros países, sim, tentamos parar o terrorismo
But we still got terrorists here living
Mas ainda temos terroristas vivendo aqui
In the USA, the big CIA
Nos Estados Unidos, a grande CIA
The Bloods and The Crips and the KKK
O The Bloods e os Crips e os KKK

But if you only have love for your own race
Mas se você tiver amor somente pela sua própria  raça
Then you only leave space to discriminate
Então você só deixa espaço à discriminação
And to discriminate only generates hate
E discriminar apenas gera ódio
And when you hate then you're bound to get irate, yeah
E quando você odeia, então estará propenso a irar-se, sim

Madness is what you demonstrate
Loucura é o que você demonstra
And that's exactly how anger works and operates
E é exatamente assim que a raiva funciona e opera
Man, you gotta have love just to set it straight
Homem, você tem que ter amor apenas para endireitas as coisas
Take control of your mind and meditate
Tome o controle da sua mente e medite
Let your soul gravitate to the love, y'all, y'all
Deixe suas mentes gravitarem para o amor, todos vocês, todos vocês

People killing, people dying
Pessoas matando, pessoas morrendo,
Children hurt and you hear them crying
Crianças feridas e você as ouve chorar
Can you practice what you preach?
Você pode praticar o que prega?
And would you turn the other cheek?
E você ofereceria a outra face?

Father, Father, Father, help us
Pai, Pai, Pai, ajude-nos,
Send some guidance from above
Envie um pouco de direcionamento dos céus
'Cause people got me, got me questioning:
Porque as pessoas me fazem perguntar:
Where's the love? (Love)
Onde está o amor? (amor)

It just ain't the same
Simplesmente não é a mesma coisa
Always in change
Sempre mudando
New days are strange
Os novos dias são estranhos
Is the world insane?
O mundo enlouqueceu?

If love and peace is so strong
Se amor e paz são tão fortes
Why are there pieces of love that don't belong?
Por que há pedaços de amor que não se encaixam?
Nations dropping bombs
Nações jogando bombas
Chemical gasses filling lungs of little ones
Gases químicos enchendo os pulmões das crianças pequenas
With ongoing suffering as the youth die young
Com sofrimento continuo enquanto a juventude more jovem

So ask yourself
Então pergunte-se
Is the loving really gone?
O amor realmente se foi?
So I could ask myself
Então eu posso me perguntar
Really what is going wrong?
Realmente o que está dando errado?

In this world that we living in
Neste mundo onde vivemos
People keep on giving in
As pessoas continuam desistindo
Making wrong decisions
Tomando decisões erradas
Only visions of them dividends
Apenas visando seus lucros

Not respecting each other
Sem respeitarem uns aos outros
Deny the brother
Negando o irmão
A war is going on
Uma Guerra está acontecendo
But the reason's undercover
Mas as razões estão encobertas

The truth is kept secret
A verdade é mantida em segredo
It's swept under the rug
É varrida para baixo do tapete
If you never know truth
Se você nunca souber a verdade
Then you never know love
Então nunca conhecerá o amor

Where's the love? Y'all, come on
Onde está o amor?
(I don't know)
Eu não sei
Where's the truth? Y'all, come on
Onde está a verdade? Todos vocês, vamos!
(I don't know)
Eu não sei
Where's the love? Y'all
Onde está o amor, todos vocês?

People killing, people dying
Pessoas matando, pessoas morrendo
Children hurt and you hear them crying
Crianças feridas e você as ouve chorar
Can you practice what you preach?
Você pode praticar o que prega?
And would you turn the other cheek?
E você ofereceria a outra face?

Father, Father, Father, help us
Pai, Pai, Pai, ajude-nos
Send some guidance from above
Envie um pouco de direcionamento dos céus
'Cause people got me, got me questioning:
Pois as pessoas me fazem questionar
Where's the love? (Love)
Onde está o amor? (amor)

I feel the weight of the world on my shoulders
Eu sinto o peso do mundo em meus ombros
As I'm getting older, y'all, people gets colder
Conforme estou envelhecendo, vocês todos, pessoas ficam mais frias
Most of us only care about money making
A maioria de nós só liga para fazer dinheiro
Selfishness got us following our wrong direction
O egoismo nos fez seguir a direção errada

Wrong information always shown by the media
Informações erradas sempre mostradas pela mídia
Negative images is the main criteria
Imagens negativas é o principal critério
Infecting the young minds faster than bacteria
Infestando as mentes dos jovens mais rápido que bactérias
Kids wanna act like what they see in the cinema
As crianças querem agir como elas veem no cinema

Yo', whatever happened to the values of humanity
Sim, o que aconteceu aos valores da humanidade
Whatever happened to the fairness in equality
O que aconteceu à justice e igualdade
Instead in spreading love we spreading animosity
Ao invés de espalhar amor, espalhamos animosidade
Lack of understanding, leading lives away from unity
Falta de entendimento conduzindo vidas para longe da união

That's the reason why sometimes I'm feeling under
Eis a razão pela qual eu às vezes sinto-me por baixo
That's the reason why sometimes I'm feeling down
Eis a razão pela qual eu Às vezes me sinto deprimido
There's no wonder why sometimes I'm feeling under
Não é de se espantar que eu às vezes me sinta por baixo
Gotta keep my faith alive till love is found
Tenho de manter minha fé viva até que o amor seja encontrado
Then ask yourself...
Então pergunte a si mesmo:

Where's the love?
Onde está o amor?




quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Charles Chaplin






Alguns pensamentos do grande ator Charles Chaplin



“Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento. Quando me amei de verdade, comecei a me livrar de tudo o que não fosse saudável, pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse pra baixo, de inicio minha razão chamou essa atitude de egoísmo, hoje sei que se chama amor próprio.” 



“Não devemos ter medo dos confrontos... até os planetas se chocam e do caos nascem as estrelas.” 



“Se você tivesse acreditado nas minhas brincadeiras de dizer verdades, teria ouvido muitas verdades que insisto em dizer brincando... Falei muitas vezes como um palhaço, mas nunca desacreditei na seriedade da platéia que sorria.” 


"Seu coração não é estrada para passeio de muitos, seu coração é lugar que só fica quem faz por merecer.” 



“Aprender a se colocar em primeiro lugar não é egoísmo, nem orgulho. É amor próprio.” 




“No final das contas, tudo é uma piada.” 


“Minha fé é no desconhecido, em tudo que não podemos compreender por meio da razão. Creio que o que está acima do nosso entendimento é apenas um fato em outras dimensões e que no reino do desconhecido há uma infinita reserva de poder.” 


“A beleza existe em tudo - tanto no bem como no mal. Mas somente os artistas e poetas sabem encontrá-la.”






domingo, 5 de outubro de 2014

Frida - A Biografia

Diego e Frida



Ao conhecer Frida Kahlo, o renomado pintor Diego Rivera caiu de encantos pela menina determinada e forte. Ela decide pedir-lhe uma opinião sobre suas pinturas, já que nutre por ele grande admiração e quer saber se seus quadros são realmente bons ou se ela deve desistir de pintar. Achei lindo este trecho do livro, que fala do começo do amor entre eles... Um trechinho do livro Frida - A Biografia, de Hayden Herrera. Disponível na amazon.com.br



"...Eu me senti profundamente comovido de admiração por aquela menina. Tive de me refrear para não cobri-la de elogios tanto quanto eu queria. Mas não consegui ser totalmente insincero. Eu estava intrigado pela atitude dela. E perguntei por que ela não  confiava no meu julgamento. Ela afinal não tinha ido me ver justamente pra ouvir a minha opinião? "O problema", ela disse, "é que alguns amigos seus me aconselharam a não dar muito valor ao que você diz. Eles me contaram que quando é uma mulher que pede sua opinião, e desde que ela não seja feia, você logo se derrama todo sobre ela e a enche de atenções apaixonadas. Bom, eu quero que você me diga só uma coisa. Acha mesmo que devo continuar pintando, ou devo procurar outro tipo de trabalho?" "Na minha opinião, por  mais que seja difícil pra você, você deve continuar pintando", respondi de imediato. "Então vou seguir seu conselho. Agora, eu gostaria de te pedir mais um favor. Pintei outros quadros que eu gostaria que você visse. Já que você não trabalha aos domingos, será que poderia ir até a minha casa domingo que vem para ver as telas? Eu moro em Coyacán, avenida Londres, 126. Meu nome é Frida Kahlo." No momento em que ouvi o nome dela, eu me lembrei que meu amigo Lombardo Toledano, quando era diretor da Escola Nacional Preparatória, tinha reclamado de uma menina de  mesmo nome. Ela era líder, ele dizia, de um bando de delinquentes juvenis que causavam tantos tumultos que ele tinha pensado em pedir demissão do emprego por causa deles. 



pintura de Frida Kahlo


Eu me lembrei de que uma vez ele me apontou quem era a menina, depois de deixá-la na sala do reitor para uma reprimenda. Então outra imagem surgiu em minha mente, a daquela menina de doze anos que desafiara Lupe (nota: Lupe, na época, era esposa de Rivera), sete anos antes, no auditório da escola onde eu estava pintando murais. Eu disse: "Mas você é..." Ela rapidamente me interrompeu, tão ansiosa que quase colocou a mão na minha boca. Seus olhos  adquiriram um brilho diabólico. Em tom ameaçador, ela disse: "Sim, e daí? Eu era a menina do auditório. mas aquilo não tem absolutamente nada a ver com o agora. Ainda quer ver -me no domingo?" Tive grande dificuldade de não responder "Mais do que nunca!". Mas se eu demonstrasse minha empolgação, ela talvez nem me deixasse ir. Por isso, respondi somente: "Sim." Então, depois de recusar a minha ajuda para carregar as pinturas, Frida foi embora, com as enormes telas balançando debaixo dos braços. No domingo seguinte me vi em Coyacán, procurando a avenida Londres, 126.  



Quando bati na porta, ouvi alguém assoviando "A Internacional" por cima da minha cabeça. No topo de uma árvore alta, vi Frida, de macacão, começando a descer. Rindo alegremente, ela segurou minha mão e me levou para dentro de casa, que parecia estar vazia, e para dentro do quarto dela. E então ela me exibiu todas as suas pinturas. O desfile das telas, o quarto dela, sua presença radiante, me encheram de uma maravilhosa alegria. Eu ainda não sabia, mas Frida já tinha se tornado o fato mais importante de minha vida, e continuaria sendo até o momento de sua morte, 26 anos depois.  



Dias depois de visitar Frida em casa, eu a beijei pela primeira vez. Assim que concluí meu trabalho no prédio do Ministério da Educação, comecei a cortejá-la a sério. Embora ela só tivesse dezoito anos (vinte ou vinte um; Frida mentia sobre sua idade) e eu mais do que o dobro, nenhum de nós se sentia nem um pouco constragido. A família dela parecia aceitar  que estava acontecendo. Um dia, o pai dela, don Guillermo Kahlo, que era um excelente fotógrafo, me chamou de lado: "Vejo que está interessado em minha filha, não é?" ele me perguntou. "Sim," respondi. "Do contrário não faria  essa viagem toda até Coyocán para vê-la." "Ela é um demônio," ele disse. "Eu sei." "Bom, eu avisei," ele disse, e saiu andando.


Frida, já muito doente, pintando em sua cama, ao lado de Diego Rivera, seu marido.