segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

A Cabala da Inveja - trechos



Fofoca - a Rede Informal de Ódio

A 'fofoca', ou a transmissão mal-intencionada de informações, é uma das redes mais importantes de preservação e transporte de rancor. Sua disseminação é tão corriqueira e rotineira que novamente faz-se necessário desmontar sua estrutura e visualizá-la à luz dos diferentes mundos.
............................................................................................................
O caluniador está na categoria de nada. Sua mentira é a saída e o recurso que reabilitarão aquele que é caluniado. Isto, porque à medida que for desmascarada a sua mentira, a reputação do caluniado é restaurada imediatamente.


Tomando Como Pessoal

A boca (de alguém magoado) só atinge a gravidade do ouvido quando se cala. Nestas ocasiões, sim, a boca assume em poder de destrutividade em uma posição semelhante à do ouvido. Veremos que uma boca que se cala e guarda para si rancor, é, para efeitos da inveja e do ódio, como um ouvido.

Para a tradição judaica, aquele que fala é como um arqueiro. Joga suas flechas e uma vez que estas já estejam no ar, não pode mais arrepender-se. Criou, dá-se conta posteriormente, emissários ou extensões de si mesmo com procurações poderosíssimas de agir em seu nome. Todas as atitudes e consequências geradas por estes agentes serão de nossa responsabilidade. Quem percebe isto conhece a arte de falar pouco.

No entanto, aquele que 'toma como pessoal' anda pela floresta, e onde quer que veja uma flecha cravada numa árvore, desenha ao seu redor um alvo. Sua percepção de realidade o faz acreditar que aquela agressão era obviamente intencional e premeditada. Seu alvo com uma flecha cravada bem na mosca é a prova derradeira de sua ilusão.



Bancando Sua Ingenuidade

Que a ingenuidade é perigosa à sobrevivência, é óbvio-como qualquer ousadia é. Ser ingênuo neste mundo é ousado, e quem escolhe esta forma de resistência, de luta pela melhoria de seu e de nosso mundo é extremamente corajoso. Para tal missão, terá de enfrentar a malícia, que busca a toda prova desafiar a ingenuidade e, em última análise, deverá suportar ser tolo aos olhos dos humanos, para não ser malévolo os olhos de D'us.
...............................................................................................................

enfartados de de alma, fazemos pouco do ingênuo, cujas conquistas de vida parecem-nos irrisórias. No entanto, são os ingênuos que nos assistem, enquanto, fossilizados numa cama de hospital, recapitulamos um passado de "perspicácia e sagacidade." São eles os justos que preservam o mundo.

Homenageie seus atos de verdadeira ingenuidade. Saiba distingui-los da tolice e valorize o ato de ser você mesmo, antes de abarcar o pacote da "experiência humana". Saiba arriscar e perder em nome da ingenuidade. A falta de ingenuidade é um dos grandes fatores de risco que propiciam o ódio e a rixa.




Do Livro A cabala da Inveja, por Nilton Bonder

domingo, 30 de dezembro de 2012

Kafka





Alguns pensamentos de Franz Kafka, na coletânea elaborada por Allan Percy em "Kafka para Sobrecarregados."


"Comece pelo que é correto, não pelo que é aceitável."


"O Mal é aquilo que nos distrai."


"Tem muito medo de morrer porque ainda não viveu."


"O verdadeiro inimigo lhe transmite uma coragem sem limites!"


"A desgraça  de Dom Quixote não era suas fantasias, mas o ceticismo de Sancho Pança."

sábado, 29 de dezembro de 2012

Alice Bailey - Sobre a Ajuda





"Uma cuidadosa avaliação deve ser feita entre uma ajuda grande demais e uma por demais pequena; se for dada muita, o indivíduo não se sentirá encorajado a usar os próprios recursos. Demasiado pequena, poderá afundá-lo no desespero."



Pensamentos - Helena Blavatsky





"Os maus pensamentos são menos prejudiciais que os pensamentos medíocres. Porque contra os maus pensamentos estais sempre em alerta, e estando determinados a combatê-los e vencê-los, essa determinação vos auxilia a desenvolver a força de vontade. Os pensamentos medíocres, ao contrário, servem simplesmente para distrair a atenção e desperdiçar energia."





"A mente é como um espelho: cobre-se de pó ao mesmo tempo que reflete. É necessário que as brisas leves da sabedoria da alma limpem o pó de vossas ilusões."




"Uma lei ensina que todo homem que corrige seus defeitos individuais, aperfeiçoa, por pouco que seja, o organismo de que é parte integrante."



Verdade







Para achar a verdade não se necessita de guru nem de livro algum. Para termos a mente lúcida, devemos examinar cada questão, cada movimento de pensamento, cada vibração de sentimento...

Juddu Krishnamurti

Alguns Pensamentos de Tagore




"Ah, perdi uma gota de orvalho!"- reclama a flor ao céu no amanhecer. Justo ao céu que acaba de perder todas as estrelas.




O que é isto que me aperta tanto o peito? É minha alma querendo fugir para o infinito, ou a alma do mundo querendo, a todo custo, entrar no meu coração?






A noite abre as flores em segredo, e deixa que o dia leve a fama.





Cada criança que vem a este mundo nos diz: Deus tem ainda esperança no Homem.







Fazem-se de ouro as asas do pássaro, e este nunca mais voará aos céus.





A Culpa e a Vergonha



Existem duas emoções tóxicas: a culpa e a vergonha. A vergonha sugere que existe algo de errado comigo. A culpa sugere que há algo de errado com o que eu fiz. Se eu tivesse de apostar em qual das duas destruiria minha vida mais rapidamente, apostaria na culpa. Eu acho que consegui funcionar apesar de me achar feia, inadequada, limitada e ignorante. No entanto, quando eu me convencia de que havia feito a coisa errada, lá vinha uma tremenda sensação de culpa, impossível de administrar.  A culpa me mantinha paralisada de vergonha. Quanto mais eu m lutava para me libertar de suas garras, mais ela apertava.  
..............................................

Quantas vezes você já se perguntou: "O que há de errado comigo? Por que é que eu faço sempre a mesma coisa? Por que é que não consigo mudar?" A culpa e a vergonha caminham de mãos dadas pelo jardim de sua vida, causando um enorme estrago nela! Quando nos sentimos mal com relação a nós mesmos e/ou com relação ao que estamos fazendo, fica difícil tentar fazer qualquer coisa de positivo. 

...............................................

A lei é a seguinte: quando nos concentramos naquilo que fazemos de errado, ficamos paralisados no que chamamos de erro. isso é a culpa. Eu descobri que  a única forma de se libertar da teia de culpa é confessar o que se fez, perdoar-se e escolher uma outra coisa. Confessar! Dizer a alguém que eu errei, eu menti, não fiz o que disse que ia fazer porque preferi ver televisão? Você deve estar enlouquecendo! Eu jamais faria uma coisa dessas! Só de pensar, fico mais culpada e ainda fula da vida! Agora eu estou sentindo culpa e raiva! E isso se chama negação.

Quando começamos a negar que estamos nos sentindo culpados pelo que fizemos, é que o caldo engrossa. nesse estado de espírito, precisamos encontrar razões e desculpas para as coisas que fizemos ou deixamos de fazer. Procuramos culpados e nos tornamos vítimas

Tanto as vítimas quanto a maioria das pessoas culpadas e das pessoas que culpam os outros são impotentes. Impotentes para escolher ou MUDAR. A trama da culpa tem vítimas e vilões chafurdando na lama da impotência e do desamparo. Como é que um simples mortal pode se levantar e seguir seu caminho no meio de um dramalhão como esse? É muito simples: confesse para você o que fez, perdoe-se e faça outra escolha. Mesmo que isso signifique ter que falar  com as pessoas que você prejudicou ou desonrou. Peça perdão. Se elas não quiserem perdoar, o problema não é seu. Se elas deixarem de gostar de você, o problema também não é seu. Você precisa do amor de sua mãe, do seu pai, do seu filho, dos seus irmãos, do seu cônjuge, do seu amigo! Você precisa sobretudo se amar um bocado para assumir o que fez. Pode parecer difícil, mas só se você tornar as coisas difíceis. Bem, e como é que se faz para tornar as coisas fáceis? É só fazer! está bem!



Iyanla Vanzant em "Um Dia Minha Alma se Abriu Por Inteiro"




A Deus nada se Cobra




Choras por não seres feliz
mas vives,
Gritas enraivecida por não teres o que queres
Mas vives,
Lamentas a perda de um grande amor
Mas vives,
Reclamas a Deus caminhos de flores
Que não recebeste
mas vives,
Choras, gritas, lamentas e reclamas,
E calas os corações dos que te amam
mas vives,
Arrebentas as cordas que unem a esperança à felicidade;
E respiras... vives...
Não chores se não és feliz,
Não grites por não teres o que queres,
Não lamentes a perda de um  amor
por maior que ele seja.
Não percas a esperança,
Não por ser a última que morre,
mas porque ainda existe.
Não reclames a Deus o que não soubeste
Aproveitar,
E com um pouco de sofrimento e muita luta
Tu terás o que queres.
Tu não mais procurarás a Deus para cobrar-lhe,
E sim,
Para agradecer-lhe
E lembra-te: A Deus, nada se cobra. AGRADECE-SE.


Maria Aparecida Pires Pinto, na coletânea  'Nossos Poetas II - Petrópolis RJ'




CRIANÇA






Cabecinha boa de menino triste,
de menino triste que sofre sozinho,
que sozinho sofre - e resiste.

Cabecinha boa de menino ausente,
que de sofrer tanto se fez pensativo
e não sabe mais o que sente...

Cabecinha boa de memino mudo
que não teve nada, que não pediu nada,
pelo medo de perder tudo.

Cabecinha boa de menino santo
que do alto se inclina sobre a água do mundo
para mirar seu desencanto.

Para ver passar, numa onda lenta  e fria
a estrela da felicidade
que soube que não possuiria.



Cecília Meireles, em "Viagem"



Viver o Momento





Viver no fluxo significa viver totalmente no presente. Não voltamos ao passado para remover velhas questões. Não nos adiantamos para o futuro tentando adivinhar como serão as coisas. Direcionamos toda a nossa atenção para cada interação, seja esta lavar os pratos, fazer amor, comparecer a uma reunião ou ler uma história para uma criança. Envolvemo-nos por completo com qualquer coisa que façamos, e o tempo parece fértil e pleno, vibrante e tranquilo, tudo ao mesmo tempo. Esse estado de consciência é chamado de viver o momento.



Charlene Belitz & Meg Lundstrom, em 'O Poder do Fluxo.'

CUMPRIR o PRÓPRIO DEVER





Ninguém tranquiliza ninguém sem trazer a consciência tranquila.
Usar boas palavras e bons modos.
Qualquer viajante da estrada sabe afastar-se do pé de laranja azeda.
Desconhecer ofensas.
A vida não constrange criatura alguma a passar recibo numa serpente para atormentar-se com ela.
Auxiliar indistintamente.
Se a fonte escolhesse os elementos a que prestar benefício, decerto que a Terra seria, francamente, um planeta inabitável.
Não censurar.
A crítica traça a obrigação de fazer melhor do que aqueles que nós reprovamos.
Abençoar sempre.
Qualquer trato de solo agradece o adubo que se lhe de.
jamais vingar-se.
Pessoa alguma consegue ajudar a um doente, fazendo-se mais doente ainda.
Amar os inimigos.
A obra-prima da escultura nasce no sonho do artista que a concebe, mas não dispensa o concurso do buril que lhe dá forma.
Não se lastimar por fracasso do caminho.
O sol, em cada hemisfério do mundo, começa a trabalhar de novo, diariamente.
saber cooperar, a fim de receber cooperação.
O próprio Cristo não consegue sozinho realizar a obra de redenção da Humanidade, e, em iniciando o seu apostolado na Terra, procurou doze companheiros que lhe serviram de base à divina missão.



André Luiz - psicografado por Chico Xavier, em 'Meditações Diárias.'

O Ego e o Eu




O ego, diz a filosofia oriental, é o pior inimigo do Eu; mas o Eu é o melhor amigo do Ego.

O Ego é inimigo porque é ignorante. - pois toda a inimizade vem da ignorância.

O Eu é amigo porque é sábio - amizade é filha da sabedoria.
Enquanto o homem ignora a si mesmo, não há solução para o problema fundamental do homem e da humanidade.

Mas como levar o homem da ignorância para a sabedoria? Da incompreensão para a compreensão?
Da inexperiência para a experiência de si mesmo?

.......................................................................................................................................................

Para que esta grande revelação aconteça ao homem, (pois deve acontecer-lhe!) deve o homem criar um ambiente propício ao redor e dentro de si mesmo; pois, segundo as eternas leis do universo, 'Quando o discípulo está pronto, o Mestre aparece.' Quando o homem-ego está pronto, o homem-eu se revela.

Isto é autorrealização.


Huberto Rohden, em 'Roteiro Cósmico.'

Mudanças Novo blog: 'Passagem.'





Bom dia a todos!

Venho apresentar meu novo blog, o 'Passagem.'

Eu hoje acordei pensando que desejo ver algumas mudanças em minha vida; por este motivo, acabo de excluir as postagens do blog Avesso, e começarei a substituí-las aos poucos por outros tipos de texto: coisas que leio em livros, trechos de poemas, pensamentos. Aquelas coisas que deixam em nós fortes impressões quando as lemos, e que podem nos ajudar em certos momentos da vida.

Tomei a liberdade de manter, neste novo blog, os seguidores do Avesso, e compreenderei se vocês não gostarem do conteúdo das postagens e optarem por não seguir este novo blog. Fiquem à vontade! Mas espero que continuem comigo, e que apreciem este espaço, que modifiquei por um desejo pessoal de renovação.

Obrigada a todos!

Feliz 2013!

um Poema de Amor

AMO-TE Amo-te quanto em largo, alto e profundo Minh'alma alcança quando, transportada, sente, alongando os olhos ...